Salgueiro arranca empate no fim, elimina o Sport e vai a final histórica no Pernambucano

O Salgueiro foi valente. Soube jogar com o regulamento sob o braço, é verdade. Mas soube principalmente juntar todas as suas forças para fazer o improvável: derrubar um gigante da capital. E em pleno Recife. O Sport está eliminado do Campeonato Pernambucano. Pela primeira vez na história, o Carcará chega à decisão do Estadual. Guerreira, a equipe sertaneja segurou a pressão do Leão como pôde. Poderia até perder por 1 a 0 neste domingo, na Arena Pernambuco, que ainda assim estaria classificado. Aos 43 do segundo tempo, fez melhor. Valdeir empatou o jogo. O Salgueiro agora irá enfrentar o Santa Cruz. O primeiro jogo acontecerá na próxima quarta-feira, no estádio Cornélio de Barros. O segundo, domingo, no Arruda.

Se pelo lado sertanejo, ficou uma explosão de alegria. Pelo rubro-negro, a revolta da torcida. Após ver o time fazer a melhor campanha do Hexagonal do Título – com imensa vantagem sobre os rivais -, os leoninos não digeriram bem a eliminação. E protestaram principalmente contra o técnico Eduardo Baptista, o qual chamaram de “burro” por repetidas vezes. O gol do Leão foi marcado por Diego Souza, de falta, no primeiro tempo. O Sport agora voltará a campo na próxima quarta-feira, contra o Central, no Lacerdão, pela disputa do terceiro lugar. O vencedor da disputa, que ainda terá o jogo da volta no próximo domingo, na Ilha, valerá uma vaga na Copa do Nordeste de 2016.

O jogo:

Precisando vencer por um placar elástico, o Sport teve pressa. E desde os primeiros minutos de jogo. Embora tentasse demonstrar um quê de tranquilidade, tocando a bola e tentando envolver o adversário com certa paciência, os atletas rubro-negros não conseguiam esconder a ansiedade para abrir o placar. Inicialmente, errando passes pontuais e repondo a bola em jogo em velocidade, o Leão só teve a sua recompensa quando, pouco a pouco, encontrou seu jogo abrindo Régis e Elber pelas pontas. A partir dos 20 minutos, o time, enfim, cresceu.

Aos 23, Neto Moura bateu de longe e Luciano fez a primeira grande defesa. Na jogada seguinte, foi a vez dele salvar a cabeçada de Páscoa. Recuado, porém tentando sair em velocidade nos contra-ataques, o Carcará só deu seu primeiro chute aos 30. Moreilândia assustou Magrão. Aos 32, o gol do melhor jogador da etapa. Diego Souza bateu falta com maestria e acertou o ângulo. No embalo da torcida, o Leão foi para um “abafa” organizado, como não fez no começo da partida. E só não ampliou porque Felipe Azevedo perdeu um gol incrível, debaixo da barra, após cruzamento de Renê.

O segundo tempo foi do Sport martelando e o Salgueiro se defendendo. Ainda mais recuado, o Carcará tentou minar o quanto pôde a partida, paralisando o jogo sempre que possível. Nitidamente mais nervosa, a equipe rubro-negra passou a ter ainda mais dificuldades de chegar. O primeiro chute com perigo só veio aos 18, com Vitor mandando na rede pelo lado de fora. Foi a chave para acordar a torcida e recomeçar a pressão. Aos 22, Luciano salvou a bomba mandada por Elber.

Com Régis e Diego Souza cansados, o técnico Eduardo Baptista foi obrigado a tirá-los para as entradas de Samuel e Mike. A torcida não gostou. O Carcará, por sua vez, fechou-se com praticamente todos os homens na defesa. Foi quando o Sport partiu para o abafa em busca de um gol para levar a partida para os pênaltis. Porém, em um contra-ataque bem organizado, Valdeir entrou em diagonal na área e chutou no canto de Magrão empatando a partida. O gol não apenas deixou tudo igual, mas também eliminou o Sport da competição e levou o Salgueiro à sua primeira decisão do Campeonato Pernambucano.

Ficha do jogo

-Sport
Magrão; Vitor, Ewerton Páscoa, Durval e Renê; Rithely, Neto Moura (Joelinton, aos 38’ do 2ºT), Elber, Régis (Mike, aos 31’ do 2ºT) e Diego Souza (Samuel, aos 26’ do 2ºT); Felipe Azevedo. Técnico: Eduardo Baptista.
-Salgueiro
Luciano; Marcos Tamandaré, Rogério, Ranieri e Marlon; Rodolfo Potiguar, Moreilândia, Victor Caicó (Pio, aos 24’ do 2ºT) e Lúcio (Cassio, aos 12’ do 2ºT) e Valdeir; Kanu (Anderson Lessa, aos 28’ do 2ºT). Técnico: Sérgio China.
-Gols
Diego Souza (aos 32’ do 1ºT) (SPT); Valdeir (aos 43’ do 2ºT) (SAL).
-Cartões amarelos
Neto Moura (SPT); Ranieri, Moreilândia, Luciano, Anderson Lessa e Marcos Tamandaré (SAL).
-Cartão Vermelho
Vitor (SPT).
-Público
25.626.
-Renda
R$  654.090,00.
-Árbitro
Marcelo de Lima Henrique (PE).
-Assistentes
Ricardo Bezerra Chianca (PE) e Elan Vieira de Souza (PE).

-Estádio
Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata.

>Do Diario de PE e Show de Bola da Orobó FM
>Via Dep. de Jorn. da Orobó FM, (Eraldo Albuquerque -Orobó; Domingo, 26 de Abril de 2015 -19h04m)


Deprecated: O arquivo Tema sem comments.php está obsoleto desde a versão 3.0.0 sem nenhuma alternativa disponível. Inclua um modelo comments.php em seu tema. in /home/orobofm/public_html/wp-includes/functions.php on line 5579

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fale Conosco

Share on facebook
Share on whatsapp

Telefones Úteis

  • OROBÓ FM  81 3656 1264
  • ABRIGO SÃO FRANCISCO de ASSIS 81 3656 1594 / 81 9678 7378 (TIM)
  • BANCO do BRASIL  81 3656 1144
  • CÂMARA MUNICIPAL 81 3656 1143
  • CELPE (Companhia Energética de PE) 81 3621 1279 (Carpina)
  • COMPESA (Companhia de Água e Esgoto de PE) 81 3656 1162
  • COMSEF (Comunidade Semeando o Futuro) 81 3656 1399
  • CONSELHO TUTELAR 813656 1206
  • CORREIOS (Empresa de Correios e Telégrafos) 81 3656 1135
  • DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito) 81 3638 1194 (Bom Jardim)
  • DELEGACIA (PC) 81 3656 1190
  • DESTACAMENTO (PM) 81 9513 3884
  • ESCOLA ABÍLIO de SOUZA BARBOSA 81 3656 1499
  • ESCOLA PROFESSORA RITA MARIA DA CONCEIÇÃO 81 3656 1578
  • HOSPITAL SEVERINO TÁVORA 81 3656 1124
  • PARÓQUIA NOSSA SENHORA da CONCEIÇÃO 81 3656 1226
  • PREFEITURA 81 3656 1156
  • SECRETARIA de SAÚDE 81 3656 1177