Audiência termina sem acordo e greve continua

Após sete horas de audiência de conciliação e instrução do dissídio coletivo dos rodoviários, não houve acordo. Patrões e empregados discordaram em seis cláusulas referentes ao aumento salarial, valor do tiquete de refeição e ao piso dos motoristas, cobradores e fiscais de ônibus. Com o impasse, a greve da categoria continua. O Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região deverá julgar a causa nesta quarta-feira (30), às 17h.

Ao todo, 19 desembargadores deverão votar os detalhes para o fim da greve. Antes, a relatora do processo deverá dar seu parecer e o Ministério Público também. 

Na reunião também será homologada uma cláusula, conciliada nesta terça-feira, que define o pagamento, ao empregado, de 10% de seu salário, caso as empresas descumpram a convenção coletiva, cujo conteúdo trata de acordos como o fornecimento de auxílio funeral, banheiros, não cobrança em caso de assalto, em caso de avarias que não teve culpa do motorista, entre outros.”Quando acontece o desrespeito a essas questões, será aplicado uma multa às empresas. Antes o valor era de R$ 29 reais e isso não impedia a continuidade do desrespeito à convenção”, explicou a advogada do sindicato Maria Rita Albuquerque, após o fim da audiência de conciliação.

Outro ponto que deverá ser discutido durante o julgamento é o descumprimento da liminar, expedida na última quinta-feira (24), para que fossem mantidos em circulação 100% da frota de ônibus nos horários de maior movimento, das 5h30 às 9h e das 17h às 20h. Nos demais horários, mesmo em greve, motoristas, cobradores e fiscais deveriam estar com 50% dos ônibus em funcionamento. Caso a categoria não cumpra a decisão, haverá multa diária no valor de R$ 100 mil reais. “Vamos apresentar todas as mídias para dizer que foi o patronato que descumpriu a liminar ao dispensar alguns funcionários”, acrescentou a advogada.

Durante a audiência, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros no Estado de Pernambuco (Urbana/PE) manteve o posicionamento e ofereceu 6% de aumento salarial e aumento no tiquete. Isso representaria 0,37 centavos no vale refeição. A proposta, mais uma vez, foi recusada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários Urbanos de Passageiros do Recife e Regiões Metropolitana, da Mata Sul e Norte de Pernambuco.

Com o término da audiência sem acordo, a categoria agendou uma assembleia na manhã desta quarta. Os trabalhadores vão se reunir às 7h, na sede do Sindicato Municipal dos Profissionais do Ensino da Rede Oficial do Recife (Simpere), no bairro da Boa Vista.

— 

>Do Diario de PE
>Via Dep. de Jorn. da Orobó FM, (Eraldo Albuquerque -Orobó; Quarta, 30 de Julho de 2014 -08h02m)


Deprecated: Tema sem comments.php está obsoleto desde a versão 3.0.0 sem nenhuma alternativa disponível. Inclua um modelo comments.php em seu tema. in /home/orobofm/public_html/wp-includes/functions.php on line 5523

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Fale Conosco

Share on facebook
Share on whatsapp

Telefones Úteis

  • OROBÓ FM  81 3656 1264
  • ABRIGO SÃO FRANCISCO de ASSIS 81 3656 1594 / 81 9678 7378 (TIM)
  • BANCO do BRASIL  81 3656 1144
  • CÂMARA MUNICIPAL 81 3656 1143
  • CELPE (Companhia Energética de PE) 81 3621 1279 (Carpina)
  • COMPESA (Companhia de Água e Esgoto de PE) 81 3656 1162
  • COMSEF (Comunidade Semeando o Futuro) 81 3656 1399
  • CONSELHO TUTELAR 813656 1206
  • CORREIOS (Empresa de Correios e Telégrafos) 81 3656 1135
  • DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito) 81 3638 1194 (Bom Jardim)
  • DELEGACIA (PC) 81 3656 1190
  • DESTACAMENTO (PM) 81 9513 3884
  • ESCOLA ABÍLIO de SOUZA BARBOSA 81 3656 1499
  • ESCOLA PROFESSORA RITA MARIA DA CONCEIÇÃO 81 3656 1578
  • HOSPITAL SEVERINO TÁVORA 81 3656 1124
  • PARÓQUIA NOSSA SENHORA da CONCEIÇÃO 81 3656 1226
  • PREFEITURA 81 3656 1156
  • SECRETARIA de SAÚDE 81 3656 1177