Mendonça quer Miguel como representante do União Brasil em 2022 para o governo do Estado

Após a formação do União Brasil, partido derivado da fusão entre PSL e DEM, a expectativa do ex-ministro Mendonça Filho (DEM) saiu em defesa do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, como representante da nova sigla na disputa pelo Governo do Estado em 2022. 

“Miguel foi lançado como pré-candidato quando se filiou ao DEM. Um nome competente. Com essa fusão partidária, ele tem um partido ainda mais robusto e a gente de forma madura e transparente, vamos discutir isso. Estou muito confiante podemos contribuir de forma decisiva para o bom caminho que Pernambuco deve percorrer no processo eleitoral de 2022”, afirmou. 

Terceira via

Em entrevista à Rádio Folha FM 96.7, na manhã desta quinta-feira (07), Mendonça Filho também abordou os possíveis nomes que podem surgir como uma terceira via de presidenciáveis para se contrapor às candidaturas do ex-presidente Lula (PT) e do atual chefe do Poder do Executivo, Jair Bolsonaro (sem partido).  

“Há nomes que estão cogitados e são considerados como candidatos como, por exemplo, o nome do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, o do ex-ministro da Saúde, Henrique Mandetta, e o Luiz Datena surge como um nome do PSL, mas esse é um quadro que necessita de muito debate e discussão”, afirmou.

>Da Folha de PE
>Via Dep. de Jorn. da Orobó FM, (Eraldo Albuquerque -Orobó; *Quinta, 07 de Outubro de 2021 -19h42m)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>