No GP de Monza, Pierre Gasly leva a França de volta ao topo da F-1 após duas décadas

O francês Pierre Gasly, da Alpha Tauri, surpreendeu ao vencer o Grande Prêmio da Itália, em Monza, neste domingo (6). Foi a primeira vitória de um piloto francês na Fórmula 1 desde 1996. Gasly, de 24 anos, venceu uma corrida atípica, marcada por uma interrupção e um pódio sem precedentes, que teve o espanhol Carlos Sainz Jr., da McLaren, em segundo e o canadense Lance Stroll, da Racing Point, em terceiro. Líder do Mundial, o britânico Lewis Hamilton terminou em sétimo lugar. 

O domingo não foi o dia da Ferrari. Primeiro, o alemão Sebastian Vettel deixou a corrida precocemente com problemas. Depois, o monegasco Charles Leclerc sofreu forte acidente. A corrida ficou paralisou cerca de 30 minutos após o forte acidente de Leclerc acionar a bandeira vermelha. O piloto foi atendido pela equipe médica, mas liberado na sequência. Antes, Magnussen bateu o carro, provocando um safety car.

Líder do campeonato mundial, Lewis Hamilton, da Mercedes, também não teve um domingo dos melhores. Foi punido por ter entrado nos boxes durante o safety car, o que não é permitido. Por isso, foi obrigado a fazer um “stop and go”, uma nova passagem nos boxes, dessa vez forçado a ficar estacionado por 10 segundos. Entrou no pit liderando, saiu na última posição.

Antes da largada, ainda na primeira parte da corrida, Vettel foi obrigado a abandonar a corrida com problemas nos freios de sua Ferrari. O segundo colocado do campeonato, o holandês Max Verstappen também teve que deixar a corrida por problemas com sua RBR.

A corrida marcou a despedida da família Williams da F-1. Frank Williams fundou a equipe em 1977. Neste domingo, Claire Williams fez sua última participação como diretora. Quem assume é a empresa de investimentos Dorilton Capital, que comprou a Williams Racing.


Foto: Lucca Bruno/ Pool/ AFP
>Da Folha de PE e Show de Bola da Orobó FM
>Via Dep. de Jorn. da Orobó FM, (Eraldo Albuquerque -Orobó; Domingo, 06 de Setembro de 2020 -13h43m)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>