Virgens do Bairro Novo levam críticas, humor e muita criatividade às ruas de Olinda

Pelo 66º ano consecutivo, o bloco Virgens do Bairro Novo desfila pelas ruas de Olinda no último domingo de prévias. Ao som do frevo, centenas de competidores vestem roupas femininas e vão atrás dos oito trios elétricos que animam uma multidão de foliões e folionas. De Ivete Sangalo a Damares Alves, passando pela lama deixada pelo desastre da Vale e pelo hit “Jenifer”, nada foi esquecido pela irreverência das virgens.

Produtor Carlos Mota, que pela terceira vez personifica 'Veveta' nas Virgens de Olinda, desta vez foi com as filhas Marina e Helena e as babás — Foto: Pedro Alves/G1

Produtor Carlos Mota, que pela terceira vez personifica ‘Veveta’
nas Virgens de Olinda, desta vez foi com as filhas
Marina e Helena e as babás
Foto: Pedro Alves/ G1

Em Pernambuco para se apresentar na prévia Olinda Beer, também neste domingo (24), quem marca presença nas Virgens é a cantora Ivete Sangalo, que saiu de casa em cima do trio, com babás, berço e as gêmeas Helena e Marina. A homenagem foi feita pelo produtor Carlos Mota, que pela terceira vez personifica “Veveta” no carnaval.

“Ano passado, vim com as gêmeas na barriga. Elas nasceram aqui, mas virgens. Hoje, vim comemorar o aniversário de um ano delas e trouxe minhas babás para me ajudarem. Não é fácil ser cantora e mãe ao mesmo tempo”, afirma.

Marcos e Jameson foram ao desfile vestidos como personagens da novela 'O Sétimo Guardião' — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

Marcos e Jameson foram ao desfile vestidos como personagens
da novela ‘O Sétimo Guardião’
Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

Os amigos Marcos e Jameson foram ao desfile vestidos como personagens da novela “O Sétimo Guardião”. Até o gato Leon esteve presente na fantasia dos dois. “Eu vim como o delegado das calcinhas e ele, como Rita de Cássia. Faz mais de 20 anos que venho para as Virgens, é uma tradição de desde muito jovem para mim”, afirma Marcos.

Pastoril Profano dança passinho no desfile de Virgens do Bairro novo no carnaval de Olinda

Pastoril Profano dança passinho
no desfile de Virgens do Bairro novo no carnaval de Olinda

 

Um dos grupos que mais teve destaque durante o desfile das virgens foi o Pastoril Profano, que fez uma performance misturando o tradicional pastoril natalino com o passinho, dança derivada do brega funk que tem arrastado multidões nas periferias pernambucanas.

Já o psicólogo Evandro Viana, de 35 anos, fez uma referência a Damares Alves, ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, com um galho pendurado na cabeça fazendo referência ao “Jesus da goiabeira”, frase polêmica da ministra.

“Sou a Danada Alves, ministra mais importante do governo Bolsonaro, doutora em direito, educação, política e sacanagem. Já venho para as virgens há mais de 20 anos e enquanto o povo está preocupado com o que eu falo… Você viu a previdência? Sabe quando vai se aposentar? Nunca”, brinca.

A ministra Damares Alves foi a fantasia escolhida pelo folião Evandro Viana para o desfile das Virgens de Bairro Novo, neste domingo (24), em Olinda — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

A ministra Damares Alves foi a fantasia escolhida
pelo folião Evandro Viana para o desfile das Virgens de Bairro Novo,
neste domingo (24), em Olinda
Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

A ministra Damares voltou a ser o tema na fantasia do pintor Marcelo Souza, que resolveu criticá-la carregando um cartaz que diz “No carnaval de Pernambuco, menino usa rosa e menina usa azul”, também em referência a uma das frases polêmicas da ministra.

“A gente está no Brasil, não tem que estar com preconceito porque alguém é gay ou lésbica. Cada um usa o que quer, porque não estamos nesse mundo para julgar ninguém. O que importa é a brincadeira”, diz o pintor.

A ministra Damares Alves foi a inspiração de fantasias no desfile das Virgens do Bairro Novo, em Olinda, neste domingo (24) — Foto: Pedro Alves/G1

A ministra Damares Alves foi a inspiração de fantasias
no desfile das Virgens do Bairro Novo, em Olinda, neste domingo (24)
Foto: Pedro Alves/ G1

Representando a beleza e a arte, o artesão Cláudio Lira gastou mais de R$ 4 mil na fantasia intitulada “Mulata de Belo Xis”, sambista homenageado no carnaval do Recife, junto com a cantora Gerlane Lops. Em 28 anos, ele acumula mais de 20 troféus conquistados nos desfiles das Virgens do Bairro Novo.

“Tenho 51 anos e desde meus 23 anos participo das virgens. Estou concorrendo na categoria luxo. Todas as lantejoulas e paetês foram aplicados à mão na minha fantasia. É um trabalho muito grande, mas é feito com muito amor”, diz.

Cláudio Lira gastou mais de R$ 4 mil na fantasia intitulada 'Mulata de Belo Xis', para desfilar nas Virgens, neste domingo (24), em Olinda — Foto: Pedro Alves/G1

Cláudio Lira gastou mais de R$ 4 mil na fantasia intitulada
‘Mulata de Belo Xis’, para desfilar nas Virgens,
neste domingo (24), em Olinda

Foto: Pedro Alves/G1

Nem Jenifer, a famosa personagem do hit de Gabriel Diniz, escapou de virar fantasia para as Virgens do Bairro Novo. O radiologista Júnior Tavares literalmente saiu dos computadores para marcar presença no carnaval de Olinda.

Jennifer, personagem do hit de Gabriel Diniz, também serviu de inspiração no desfile das Virgens do Bairro Novo, em Olinda — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

Jennifer, personagem do hit de Gabriel Diniz,
também serviu de inspiração no desfile
das Virgens do Bairro Novo, em Olinda
Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

“Essa é minha estreia nas Virgens e já vim toda preparada. É Jenifer direto das redes sociais pra Bairro Novo, mas estou perguntando cadê o meu Gabriel Diniz?”, diz Júnior.

Virgens do Bairro Novo homenageiam Cassino do Chacrinha no carnaval de Olinda

Virgens do Bairro Novo homenageiam
Cassino do Chacrinha no carnaval de Olinda

 

Para concorrer na na categoria “Grupo”, amigos foram fantasiados de chacretes. Numa superprodução, incluíram até o Velho Guerreiro e as cantoras Gretchen e Sarajane, símbolos do Cassino do Chacrinha na década de 1980. 

Chacretes, o 'Velho Guerreiro' e a cantora Sarajane concorrem na categoria 'Grupo', no desfile das Virgens do Bairro Novo, em Olinda — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

Chacretes, o ‘Velho Guerreiro’ e a cantora Sarajane
concorrem na categoria ‘Grupo’, no desfile
das Virgens do Bairro Novo, em Olinda
Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

“Chacrinha era pernambucano, natural de Surubim [no Agreste] e decidimos homenageá-lo por amor à nossa cultura. Em 14 anos de carnaval nas virgens, já ganhamos três prêmios. Em 2019, cada pessoa desembolsou cerca de R$ 160. Juntando tudo é bem menos que o prêmio de R$ 400, mas é tudo por amor ao carnaval da nossa cidade natal”, diz o instrutor Erick Torres, líder do grupo.

Folião faz crítica ao desastre da Vale em Brumadinho e vai fantasiado de lama para o desfile das Virgens do Bairro Novo, em Olinda, neste domingo (24) — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

Folião faz crítica ao desastre da Vale em Brumadinho
e vai fantasiado de lama para o desfile
das Virgens do Bairro Novo, em Olinda, neste domingo (24)
Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

O operador de telefonia Marcelo Silva fez uma crítica à empresa Vale, responsável pela barragem de Brumadinho (MG), que rompeu em janeiro e deixou um rastro de centenas de mortos e desaparecidos. “O carnaval chegou, mas não podemos esquecer as vítimas dessa tragédia, nem da de Mariana, para que não se repita mais uma vez. Os governantes precisam estar alerta, porque outras barragens podem causar destruição até maior do que essas duas causaram”, disse.

Folião leva laranjas em referência às investigações sobre supostos candidatos-laranja nas eleições 2018 — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

Folião leva laranjas em referência às investigações
sobre supostos candidatos-laranja nas eleições 2018

Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

O professor Fábio Cardoso foi ao desfile vestido como o mago Presto, da animação Caverna do Dragão. Ele decidiu criticar o caso dos supostos “candidatos-laranja” do PSL nas eleições de 2018. “Presto sempre faz a mágica errada. Tentei trazer a fruta que representasse o Brasil, que era banana, mas saiu laranja, a predileta do partido do presidente”, diz.

Trios elétricos arrastam as Virgens do Bairro Novo, neste domingo (24), em Olinda — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

Trios elétricos arrastam as Virgens do Bairro Novo,
neste domingo (24), em Olinda
Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

Concurso

O domingo começou com o tradicional café da manhã das virgens, que completa 26 anos em 2019. Depois da refeição, os foliões vestidos de mulher participam do concurso, que tem sete categorias julgadas por uma comissão de dez jurados, entre carnavalescos e personalidades conhecidas de Olinda. Os vencedores faturaram R$ 400 e um troféu.

Confira os vencedores por categoria:

  • Mais sapeca – ‘Delegado das calcinhas’
  • Mais tímida – ‘Noiva procurando negão’
  • Mais malamanhada – ‘Bom só no aro do polvo’
  • Destaque – ‘Bruxa’
  • Originalidade – ‘Maria Bonita: um adeus a Lampião’
  • Luxo – ‘Tributo a Graça Araújo’
  • Grupo – ‘Discoteca do Chacrinha’
Atrações

Entre as atrações que comandam os trios elétricos, estão a banda Asas da América, Som da Terra, Jefferson Rouche, Banda Sedutora, Orquestra Capital do Frevo, Banda Itinerante, Jr. Maranhão e Os Caras.

Amigos se vestem de noiva para concurso do bloco Virgens do Bairro Novo, neste domingo (24), em Olinda — Foto: Aldo Carneiro/Pernambuco Press

Amigos se vestem de noiva para concurso do bloco Virgens do Bairro Novo,
neste domingo (24), em Olinda
Foto: Aldo Carneiro/ Pernambuco Press

Foto Destacada:
Aldo Carneiro/ Pernambuco Press
Cantora Sarajane foi lembrada por folião das Virgens do Bairro Novo
>Do G1 PE
>Via Dep. de Jorn. da Orobó FM, (Eraldo Albuquerque -Orobó; Domingo, 24 de Fevereiro de 2019 -21h23m)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>