Gallo não é mais o treinador do Náutico

Chegou ao fim a terceira era Alexandre Gallo no Náutico. Um dia após a derrota para o Sampaio Corrêa, por 3×2, no Maranhão, a diretoria alvirrubra se reuniu e optou por rescindir o contrato do treinador, que vinha sendo contestado pela torcida pelos últimos maus resultados.

A exemplo de sua primeira passagem pelo Timbu, o técnico teve bom início, mas saiu pela porta dos fundos. Contratado pouco antes da disputa do terceiro lugar do Campeonato Pernambucano, o comandante conseguiu deixar o time na terceira posição.

Na Série B, competição a qual o próprio técnico apostava em título alvirrubro, o Náutico chegou a viver bons momentos. No entanto, após duas semanas de pausa, a equipe perdeu dois jogos consecutivos dentro de casa e, para piorar, foi derrotada pelo Sampaio Corrêa/MA, lanterna do torneio, no último sábado.

Em 25 partidas à frente do escrete vermelho e branco em 2016, Alexandre Gallo teve aproveitamento de 50,6% dos pontos disputados. Foram 11 vitórias conquistadas, quatro empates e dez derrotas sofridas no total. 

—-

>Da Folha de PE e Show de Bola da Orobó FM
>Via Dep. de Jorn. da Orobó FM, (Eraldo Albuquerque -Orobó; Domingo, 04 de Setembro de 2016 -18h31m)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>